Corretor Online

CBLog

Você sabe o que é Setembro Amarelo?

Você sabe o que é Setembro Amarelo?

20-09-2016 – Qualidade de Vida

 

A campanha Setembro Amarelo visa conscientizar toda a sociedade sobre uma questão delicada envolvendo um incômodo social extremamente grave e urgente: o suicídio.

32 pessoas cometem esse ato no Brasil todos os dias. 17% dos brasileiros já pensaram em tirar a própria vida pelo menos uma vez. 5% planejaram. 3% tentaram de fato. 1% foram atendidos em pronto socorro, sendo que, desse percentual, nem todos conseguem ser salvos. Esses são dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). A entidade internacional chama a atenção para uma característica extremamente perigosa desse mal: o fato dele ser silencioso. Normalmente, as pessoas fogem do assunto, seja por medo ou desconhecimento de sua condição; e também porque nem sempre os indivíduos em volta conseguem perceber qualquer sinal ou ‘sintoma’ na vítima.
Diante dos dados e informações apresentadas, como seria possível uma pessoa saber que precisa de ajuda uma vez que ela nem saiba que precisa? Ou então, como alguém poderia ajudar um amigo ou parente se os sinais de predisposição ao suicídio não são tão claros e por isso nem sempre é fácil saber como fazer uma abordagem adequada?

 

qualidade de vida

O movimento, que já ocorre em nível mundial, chegou ao Brasil em 2014, onde é organizado pelo Centro de Valorização da Vida (CVV) . Ele tem a duração de 30 dias. Não acontece no nono mês do ano por acaso, já que no dia 10 de setembro é a data do Dia Mundial da Prevenção do Suicídio. Aproveitando o caráter pedagógico da ação, listamos alguns mitos e verdades em relação ao suicídio que circulam pelo senso comum e que podem atrapalhar toda e qualquer iniciativa de combate.

 

Mito: A ideia de que, quando alguém fala em se matar ela está apenas querendo chamar a atenção para si. Não é verdade, falar sobre isso é um pedido de ajuda, essa pessoa deve ser levada a sério;

 

Mito: ‘O suicídio é impulsivo e acontece sem aviso’, essa não é uma informação verdadeira. Muitos pessoas comunicam de alguma forma suas intenções  suicidas, seja de maneira direta e verbal ou comportamental;

 

Mito: Os indivíduos suicidas querem de fato morrer: essa concepção é falsa. A maioria das pessoas que desenvolvem esse desejo acabam contando para alguém ou até mesmo para um médico ou psicólogo. Essa atitude  representa um sinal claro de ambivalência e também um pedido de socorro;

Verdade: Quando um indivíduo sobrevive a uma tentativa de suicídio ou apresenta sinais de melhorias em seu comportamento, isso não quer dizer que ele está fora de perigo. Ele continuará precisando da ajuda de amigos, familiares e profissionais especializados;

Verdade: Comportamentos suicidas estão ligados à depressão, abuso se remédios ou esquizofrenia, entre outros transtornos psicológicos e emocionais. Mas também podem ocorrer em quem aparentemente não transparece nenhum transtorno emocional de nenhum tipo;

Mito: O suicídio acontece apenas com “aqueles tipos de pessoas”. Não é verdade, o comportamento suicida está presente em todas as classes sociais, gêneros, famílias e etc.

Verdade: O conselho e a conscientização por meio de uma conversa ou acompanhamento de um profissional, amigos ou familiares podem servir para salvar uma vida.

 

 

Todas as informações e dados importantes sobre o comportamento suicida podem ser encontrados no site da campanha Setembro Amarelo ou da CVV, que presta atendimento às vítimas e familiares. O slogan do projeto faz o convite: ‘falar é a melhor solução’. Perceber e se sensibilizar com o outro, atitudes gratuitas e repletas de generosidade, são ferramentas poderosas que podem salvar vidas.

 

idosos_qualidadedevida

Leia Também

Aluguel Nunca Mais: 5 Dicas do Especialista!

Aluguel Nunca Mais: 5 Dicas do Especialista!

Em todo final de ano, a maioria das pessoas fazem metas para serem alcançadas no novo ano que se aproxima. Cremos que o ano de […]

Leia Agora
Qual seu perfil para realizar o sonho da casa própria?

Qual seu perfil para realizar o sonho da casa própria?

Todo mundo sonha em ter a casa própria, um cantinho só seu, com a sua cara. Ao mesmo tempo esse sonho demanda verba, planejamento e […]

Leia Agora
A importância da casa própria para um autônomo

A importância da casa própria para um autônomo

Todo trabalhador formal sonha em ter a casa própria. Imagina quem é autônomo! Esse profissional, não trabalha de carteira assinada, nem sempre tem uma renda […]

Leia Agora